30 janeiro 2017

Fim de festa

Janeiro chega ao fim e 2017 já perdeu sua magia de brinquedo novo para a maioria de nós. Pisamos lentamente ou com força os caminhos rotineiros e já somos de novo filhos da normalidade. Durante esse período refleti, como é comum, sobre quais são para mim esses caminhos, o que se descortina de novo e de sempre. Levei meses até conseguir olhar para o panorama que se abre à minha frente e talvez mais tempo ainda para dar atenção à luzinha da ideia que insistia em piscar mesmo que eu não lhe desse atenção. Agora percebo claramente o que ela dizia: é hora de fechar o blog.


O Le Paquet foi um refúgio, um alento, um lugar de encontro com a minha criatividade, com a minha escrita e com a criatividade de tantas outras pessoas. Aqui descobri pessoas incríveis, ganhei amizades para além do mundo virtual, aprendi, expandi minhas concepções e produzi muito mais do que eu imaginava possível. Entretanto, como toda festa boa, é hora de apagar as luzes e seguir adiante, com uma sensação de gratidão, aquele calorzinho bom no peito por tudo que foi vivido e compartilhado. Não há melancolia, não há tristeza, apenas a constatação de um novo momento.

Agradeço genuinamente a todos que compartilharam desse espaço comigo. Agradeço as palavras, as trocas. Agradeço aos encontros com vocês e comigo mesma que tê-los aqui me proporcionou. 

E é claro que ainda existem outros espaços em que poderemos nos cruzar. Por enquanto vou estar aqui , aqui e aqui (passe e dê um oi!) E vou esperar alguns dias até tirar efetivamente o blog do ar, para que tenhamos tempo para uma despedida apropriada :)

E que venha mesmo 2017, fevereiro, carnaval, aniversário, novos planos, novas estradas, mas sempre com a tentativa de uma olhar plácido e ao mesmo tempo reverente para a beleza que existe no mundo e em nós. 

Até logo!


















9 comentários:

  1. Ahhhh..não tinha suas páginas no face, acabei de curtir. Até porque não conseguirei largar você assim tão rápido. Mas te compreendo, há tempo para tudo e para algumas coisas ele acabou, passou.

    Agora coisas novas virão.
    Muitas felicidades nas suas novas escolhas e caminhos!
    :*

    ResponderExcluir
  2. Ah que pena, mas são escolhas, gostava muito de vir aqui... infelizmente nos separamos por aqui já que não possuo contas em redes socais! Tudo de bom, Rosa, que a sua festa pessoal sempre siga contagiando a todos! Bjs

    ResponderExcluir
  3. ahhh Rosa, vc me pegou de surpresa, e fiquei triste! gosto dos seus textos, de suas fotos e da criatividade de seus embrulhos. Acho um blog genuíno, inspirador e já com seu lugar na blogosfera. Mas entendo vc! e vou continuar lhe seguindo...ao vivo e a cores! beijos!

    ResponderExcluir
  4. Ah, Rosa! Que pena de ler isso! Não esperava!
    Gosto demais dos seus textos, das suas produções e acho que nenhuma rede social é tão íntima quanto um blog. Gosto de muitos e sempre digo que parece que visito a casa de cada blogueira, tamanha é a personalidade que imprimimos nesses nossos cantinhos virtuais.
    Vou ficar de olho nas suas postagens em outras plataformas, apesar de que em nenhuma delas sou tão ativa quanto aqui!
    Felicidades nas suas escolhas e bom 2017!

    ResponderExcluir
  5. Querida Rosa, sei bem a dualidade desse sentimento entre a necessidade de buscar outros caminhos mas não saber como abandonar o caminho ja percorrido e querido. Passei por um processo assim até concluir que era chegada a hora de parar com o Casa de Retalhos. Boa sorte em suas novas aventuras.

    ResponderExcluir
  6. Rosinha, que pena! Mas claro que há um tempo para tudo... E é muito bom quando seguimos em frente, contentes pelos caminhos que já trilhamos. Até logo!

    ResponderExcluir
  7. Surpreendeste-me, mesmo depois de ler o título não pensei que fosse um anúncio destes! É uma pena, mas pronto, não faz sentido manter o blog só por manter...
    Gostei muito de estar deste lado e ler as publicações que escreveste ao longo do tempo em que te segui. Felicidades :D

    ResponderExcluir
  8. Puxa, te entendo, Rosa.
    Está difícil manter. Tanto do ponto pessoal: nossa vida está corrida, há muitas mídias a manter, como do ponto vista dos leitores diante de mídias que se tornaram concorrentes. O acesso diminui drasticamente pra mim e o interesse pela leitura e pelo desenvolvimento do post se reduziu a uma imagem atraente (em quadrado no Instagram) pra dar like. É um tanto desapontador, porque amo ler o que as pessoas tem a dizer nos blogs que acompanho.
    Ainda estou resistindo, mas já pensei algumas vezes em fazer o mesmo.
    Vou seguindo, mas sei que um fim virá.
    Que bom que ainda estamos conectadas em outros lugares da internet, adoro te acompanhar e é triste ao mesmo tempo porque nos conhecemos aqui, mas o que é bom fica, não é mesmo. E você ficou, Rosa!

    Então, não vejo isso tanto como despedida, porque você ficou! ;)
    Um beijo e muita paz e sucesso sempre! <3<3<3<3<3

    ResponderExcluir
  9. Ola Rosa!
    É uma pena que não continuará com o blog!
    Pois você tem um dom especial para escrever e fotografar, mas sei que o tempo fica difícil manter.
    Obrigada por compartilhar os seus textos e fotos!
    Tudo de bom para você!
    Deus abençoe!

    Valéria Ferrer Gomes

    ResponderExcluir

♥ Theme por Designing Dreams © 2015 • Powered by Blogger • Todos os direitos reservados •Topo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...